Valete - Vampiris (parte 1) Lyrics | FAST DOWNLOAD

Vampiris (parte 1)

Desde o 25 de abril que manos só dizem calamidades
Usam a liberdade de expressão só para dizer barbaridades
Atordoados manos sem capacidades ficam todos abananados porque eu sou paparicado
Não há 25 de abril para esses cromos próxima vez que abrires a boca levas com pide nos cornos
Nem sei porque é que ligas microfones, pos mil niggas da tua liga basta o vi e o bónus
(Basta) dizeres que o valete é wack é o mesmo que difamares o dalai lama no meio do tibete
É o mesmo que dizeres que o adamastor canta por fama e por cheques
Que eu não parti a tua dama em alfama em 2007
Valete é transcendência eloquência que os rappers queriam ter a ciência da imponência liriquicência impotência, sapiência empírica jurisprudência no rap tuga referência da inteligência que carimba essa diferença absurda
Queres valete vê as insignias no além, junta os teus mc's favoritos e multiplica por 100
Não entendem como é que saem as dicas do brain
Eu sou tão grande e dominante nem caibo em 20 hall of fames
Trás a tua crew faz macumba ou voodoo vem com judo mas sabes que ficas aquém, não insistas, nao resistas
Reconhece ajoelha-te e diz amén, senão es comido como as outras chicas do meu arém
Se disseres que o valete é wack em frente do sam ele vai escarrar na tua cara ate te fazer uma geme, vai-te mostrar 700 horas de improvisos em jam's até ficares todo rendido e histérico como a sirene
Fucka, por isso não tentes encrencas há stress a gente enfrenta
Tu tas a 150 eu tou a 360 a gente só se enfim lamenta com esse rap ninguém te aguenta sem sal e sem pimenta se não tens não tentes inventar
Ntas mal á brava mas sabes que aqui cais
Tu cospes palavras eu faço recitais
Tu nem andavas já abafava rivais
Metade desses álbuns tugas eu faria em freestyle
Vendi 6000 sem promo e um clip wack
Nem fiz concertos mas foi estrondoso o feedback
Mesmo assim dizes patetices à pivete
És burro não tens nada na cabeça como skinheads
Comecei sem ilusões, nem expectativas
Conquistei populações com narrativa exculivas pisam
Mas ninguém para o patrono desta ofensiva
Sa foda á rádio eu faço promo com saliva
Eu sou o tom da alternativa trago o som da lenda viva
Tenho o dom da rima activa eu assombro non believers
Tu aqui não rondas com essas ondas negativas
Porque eu amedronto-te com o estrondo da minha ogiva
Haters,andam todos fodidos com o mito do valete
Tipo que eu abri uma panificadora com o guito do rap
Essa guita vem do skill não chegou de graça
Tu com esse teu skill nem compras uma carcaça
E não interrompas esta saga ouve as bombas que a gente larga
Encatombos na tua casa vê se te escondes desta prrraga
Foges pa que somos como sondas da nasa
A gente detecta só sobra escombros mais nada
Tu dás graça, como esses rappers ridículos
Que bifam viris aflitos à espera de serem respondidos
" Valete eu sou teu fã serás sempre o meu ídolo, eu só te bifei pa ficar mais conhecido"
E que nigga, querias que eu te desse uma resposta
Nem que viesses com a peida tipo ex dama do nigga coca
Nem que eu fosse o árbitro e tu fosses o pinto da costa
Idiota vens bifar o viris com esse rap de bosta
Enxerga-te nigga, tu és caca ninguém te liga
Eu pa bifar com um nigga tinha de ser o pac ohgiga
Eu não ponho o meu pau nessa tua rata ferida
Eu nem sei nadar mas sou o que melhor rapoplica
É melhor trazeres matracas facas estacas balas
Porque com barras pa bifares com o valas tens que ser suicida
Rrraka, só das barraca não dás pica
Armas-te em acrobata sais de maca e sem guita homes
És parasita nigga tu só cospes miaka
Não autogras vê se limpas essa baba
Não acreditas que eu sou revolucionário como zapata
Vai ver a revolução que eu fiz lá na peida da tua cabra
Ela gritava "V, eu sei que eu sou uma kuarra
Larga aleija-me não para larga meita na minha cara
V, deixa-me chupar a tua vara, porque o meu nigga só se queixa não me ampara"
Não tens o estilo africante não queiras ver com a tua dama aquela merda é prigante
É exitante tu nesse rap aspirante tu nem serias fat com o estomago do big bunt
Eloquente de calças largas chama-me obama dred
Eu até seria fat no estômago da dama bete
Eu faço osama rap não faço o que a fama pede
E tou na cama a ver quanto é que a mama da tua dama mede
Já tas a nora dá de fuga, baza e evapora porque é hora do sanguesuga vampiris
Agora implora por ajuda e decora o slogan via banda sonora do rap tuga vampiris a banda sonora do rap tuga vampiris vampiris...

Date Added: 2017-08-21
Comments
0 (1 votes)
Artist Information
Newest Lyrics